quinta-feira, 5 de novembro de 2009

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

elevação...

"Quanto mais nos elevamos, menores parecemos aos olhos daqueles que não sabem voar."
Friedrich Nietzsche

sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Uma vida de gotas...

O dia de quarta-feira foi de aulas! Levantar mais cedo do que numa simples 4ª feira às 10h45m. Havia uma disciplina para estudar pois o teste intermédio era às 14h. Na primeira aula para começar “bem” o dia o aviso de uma frequência para dia 4 de Novembro foi feito e toca a pôr mãos ao trabalho. A hora de almoço foi de grande agitação, comer em meia hora e ira para a aula e nos últimos 20 minutos de aula lá se teve que fazer o mini-teste para depois uma coisita destas interferir na nota 15%, enfim, um incentivo para continuar, mas também não me posso queixar pois até correu bem! Chega-se a casa e estuda-se marketing e análise de sistemas, disciplinas novas este ano, mas não menos importantes. Depois do tempo de estudo e com o tempo de chuva que estava apeteceu me ir à janela do meu quarto e ver a chuva, observar como cada gota cai no chão é deliciante e pensar a forma como cada um de nós pode também cair assim um dia, mas claro com um sol reluzente logo de seguida. Hoje sinto me assim como uma gota de água que cai no chão e espincha, uma gota pequenina que se junta a outras e formam poças… Afinal a nossa vida é feita de momentos é feita de poças e mais poças que formam um rio que nasce, percorre km e no fim tem sempre uma foz tal como cada um de nós também tem uma foz!

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Há 10 por cento de portugueses que já leram a Bíblia completa!

A maior parte dos portugueses já leu a Bíblia - toda ou em partes - mas os católicos não-praticantes e os ateus e agnósticos são os que menos lêem o texto sagrado de judeus e cristãos. As conclusões constam de um estudo encomendado pela Sociedade Bíblica Portuguesa (SBP), editora que se dedica ao estudo e difusão da Bíblia, à Novadir, empresa do grupo Marktest.
Se aquelas três categorias sócio-religiosas estão juntas neste índice de leitura, há mesmo assim uma diferença substancial: são 37 por cento os católicos não-praticantes e 36 por cento os agnósticos que não lêem a Bíblia, enquanto no caso dos que se definem como ateus (10 por cento dos inquiridos) esse número sobe para os 65 por cento.

Numa outra resposta, entre os que nunca leram, apenas 17 por cento dizem que não o irão fazer em nenhuma circunstância. O que pode indiciar algum preconceito contra o texto, nota Alfredo Abreu, responsável da Sociedade Bíblica e da apresentação do estudo, feita ontem em Lisboa.

Entre quem diz que lê a Bíblia (71 por cento dos inquiridos), há 9,7 por cento de pessoas que dizem já ter lido todo o texto. As mulheres (74 por cento) fazem-no mais que os homens (67). E em termos religiosos, os protestantes/evangélicos e as testemunhas de Jeová são os que mais lêem o texto: todos dizem que o fazem. Na categoria dos católicos praticantes, 83 por cento dizem que lêem a Bíblia.
Protestantes/evangélicos e testemunhas de Jeová representam apenas 2,3 por cento da população. Mas são também eles que lideram quando se pergunta quem tem uma Bíblia em casa: 93 por cento dos protestantes e evangélicos, 100 por cento entre as testemunhas de Jeová.
A sondagem identificou 86 por cento da população como católica, metade da qual não-praticante, número que coincide com outros estudos recentes.

In Público, por António Marujo
Edição do dia 16/10/2009

sábado, 10 de outubro de 2009

Se...


"Se sonhares um pouco é perigoso, a solução não é sonhares menos mas sim sonhares mais".
Marcel Proust

segunda-feira, 5 de outubro de 2009

O ir e o voltar!

Depois de uma semana agitada e diferente, depois de jantares, de convívios e de se ter matado as saudades das pessoas que não via desde o fim do ano lectivo, estes 3 dias foram diferentes! O fim de semana em família soube bem! Muitas novidades que vêm outras que vão! Enfim... desafios que a vida nos prega e que nós temos que ir à luta! E quando se chega ao final deste fim de semana prolongado é tempo de voltar a fazer as malas para partir para mais uma semana de aulas, além de ser mais curta, mas não menos importante. A todos desejo uma excelente semana com as rotinas habituais e com um sorriso nos lábios, porque esse apesar de tudo não pode falta à festa! =)

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

No outro lado da praxe!

E porque a vida académica se faz destas coisas!!

domingo, 20 de setembro de 2009

O ritmo já começou...

E retomando o tempo... Tenho d pôr as castiças novidades em dia... Pois é verdade a semana que passou foi passada na cidade que me acolhe a maior parte do ano! Sim... isso mesmo foi a semana de integração aos novos alunos (ou melhor aos novos caloiros!!!!). Uma semana em que vivi do outro lado! Pois é um ano atrás era eu que estava no lugar deles, com imenso receio do que me iriam fazer e curiosa com o novo mundo que de mim se aproximava. Este ano sou eu que vejo as caras de ansiedade, receio, preocupação e sim algum medo também. O próximo ano lectivo irá ser de grande luta tanto ao nível escolar, como ao nível da vida académica... Novas mudanças se deram esta semana, algo que aspirava um dia fazer, foi me dada a possibilidade em que eu fui à luta.. É verdade esta nova remessa de caloiros vão contar comigo na comissão de praxe! Uns com algum receio outros com vontade de saber do que sou capaz! mas o mais importante é que vou tentra dar o meu melhor em tudo! Quanto aos caloiros... a integração faz parte da praxe, assim como a praxe faz parte da integração!

sexta-feira, 4 de setembro de 2009

Aprende-se


Depois de algum tempo aprende-se a diferença, a sutil diferença, entre dar a mão e acorrentar uma alma.
E aprende-se que amar não significa apoiar-se, que a companhia nem sempre significa segurança, e começa-se a aprender que beijos não são contratos, e que presentes não são promessas.
Começa-se a aceitar as derrotas com a cabeça erguida e olhos adiante, com a graça de um adulto e não com a tristeza de uma criança; aprende-se a construir todas as suas estradas no hoje, porque o terreno do amanhã é incerto demais para os planos, e o futuro tem o costume de cair em meio ao vão.
Shakespeare

Que me resta dizer depois de estas tão sábias palavras? E é com isto que se aprende a viver neste mundo!

domingo, 30 de agosto de 2009

Uma bonita frase!

''O trabalho continua, a causa perdura, a esperança ainda vive e o sonho nunca morrerá.''

O senador Edward Kennedy pronunciou essa frase em duas ocasiões. Uma frase que me chamou à atenção e que se pode comprovar na nossa vida!

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

O concerto!

Ontem anoite foi passada por Viseu. Sim, a terra que já me trazia saudades recebeu um grande concerto. Foi a primeira vez que vi um concerto dela, mas adorei ouvir e cantar Mafalda Veiga! Com uma noite óptima e sem o típico vento aveirense soube bem desfrutar de toda a melodia entoada... Aqui fica uma letra dela!

Meu amor não quero mais palavras rasgadas.
Nem o tempo cheio dos pedaços de nada.
Não me dês sentidos para chegar ao fim.
Meu amor... só quero ser feliz.

Meu amor não quero mais razões p'ra apagar.
O que nasce e renasce e nos faz acordar.
A loucura faz medo se for medo o teu chão.
Mas é ar e é terra dentro do coração.
É ar e é terra dentro do coração.

Meu amor não quero mais silêncio escondido.
Nem a dor do que cai em cada gesto ferido.
Quero janelas abertas e o sol a entrar.
Quero o meu mundo inteiro dentro do teu olhar.
Eu quero o meu mundo inteiro dentro do teu olhar.

E hoje vê a estrada é feita para seguir.
E hoje sente a vida é feita de sentir.
E hoje vira do avesso o mundo e vê melhor.
Deste lado é mais puro.
É teu, é tão maior.
Deste lado é mais puro.
É meu, é tão maior.

Meu amor não quero mais palavras rasgadas.
Nem o tempo o cheio dos pedaços de nada.
Não me dês sentidos para chegar ao fim.
Meu amor...só quero ser feliz.

Meu amor não quero mais razões p'ra apagar.
O que nasce e renasce e nos faz acordar.
A loucura faz medo se for medo o teu chão.
Mas é ar e é terra dentro do coração.
É ar e é terra dentro do coração.

E hoje vê a estrada é feita para seguir.
E hoje sente a vida é feita de sentir.
E hoje vira do avesso o mundo e vê melhor.
Deste lado é mais puro.
É teu, é tão maior.
Deste lado é mais puro.
É meu, é tão maior.

Foi bom ouvir-te Mafalda, mesmo que não tenhas cantado a música desejada...

domingo, 23 de agosto de 2009

Um simples porquê!


Poeque um simples porquê pode desencadear inumeras coisas!

sábado, 15 de agosto de 2009

Um anúncio fantástico!


Afinal o que é que interessa o que os outros dizem?

sábado, 8 de agosto de 2009

Façam favor de ser felizes...


Uma pessoa que deixou Portugal hoje de manhã disse uma frase, que me agradou e que não é um simples frase, mas sim uma frase com um alto valor:

" Existem dois tipos de discurso, o pequeno e o grande. O pequeno é obrigado e o grande é muito obrigado"
Raúl Solnado

Uma outra foi também muito marcante ao longo da sua vida: "Nós na vida devemos deixar sempre um raio de luz por onde passamos"
Raúl Solnado

Não vale a pena dizer mais nada, somente: Façam favor de ser felizes!

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Uma música, uma grande letra!..

Já à muito tempo que ouvi pela primeira vez esta música, mas nunca tinha reparado na sua letra. É fantástica e a combinação dos dois tipo de vozes que a cantam também... Oiçam e não se vão arrepender!


Não me resta nada, sinto não ter forças para lutar
É como morrer de sede no meio do mar e afogar
Sinto-me isolado com tanta gente à minha volta
Vocês não ouvem o grito da minha revolta
Choro a rir, isto é mais forte do que pensei
Por dentro sou um mendigo que aparenta ser um rei
Não sei do que fujo, a esperança pouca me resta
É triste ser tão novo e já achar que a vida não presta
As pernas tremem, o tempo passa, sinto cansaço
O vento sopra, ao espelho vejo o fracasso
O dia amanhece, algo me diz para ter cuidado
Vagueio sem destino nem sei se estou acordado
O sorriso escasseia, hoje a tristeza é rainha
Não sei se a alma existe mas sei que alguém feriu a minha
Às vezes penso se algum dia serei feliz
Enquanto oiço uma voz dentro de mim que me diz?

Chorei
Mas não sei se alguém me ouviu
E não sei se quem me viu
Sabe a dor que em mim carrego e a angústia que se esconde
Vou ser forte e vou-me erguer
E ter coragem de querer
Não ceder, nem desistir eu prometo

Busquei
Nas palavras o conforto
Dancei no silêncio morto
E o escuro revelou que em mim a Luz se esconde
Vou ser forte e vou-me erguer
E ter coragem de querer
Não ceder, nem desistir eu prometo

Não há dia que não pergunte a Deus porque nasci
Eu não pedi, alguém me diga o que faço aqui
Se dependesse de mim teria ficado onde estava
Onde não pensava, não existia e não chorava
Prisioneiro de mim próprio, o meu pior inimigo
Às vezes penso que passo tempo demais comigo
Olho para os lados, não vejo ninguém para me ajudar
Um ombro para me apoiar, um sorriso para me animar
Quem sou eu? Para onde vou? De onde vim?
Alguém me diga porque me sinto assim
Sinto que a culpa é minha mas não sei bem porquê
Sinto lágrimas nos meus olhos mas ninguém as vê
Estou farto de mim, farto daquilo que sou, farto daquilo que penso
Mostrem-me a saída deste abismo imenso
Pergunto-me se algum dia serei feliz
Enquanto oiço uma voz dentro de mim que me diz?

terça-feira, 4 de agosto de 2009

E era uma vez um festival!...


Já a muito tempo que era pra vir cá actualizar isto porque não tem jeito nenhum depois de um grande acontecimento como o festival jota isto ficar do mesmo modo!
Pois bem foi um grande festival que superou todas as expectativas, em que os dias passavam a correr, em que o cansaço já se começava a sentir, muitas cadeiras foram carregadas, muitas tendas montadas, muitos almoços servidos, muitas entrevistas feitas e muitas fotografias tiradas... enfim em resumo disto tudo o que importou é que muitos sorrisos se soltaram e muitas a amizades foram feitas e outras refeitas!
Quanto à equipa de que fazia parte, a de comunicação, nada a dizer foi simplesmente Impecável trabalhar com toda a equipa e da minha parte fiz o meu melhor!
Obrigada a todos e concerteza que a letra J nos ficará na memória!...

quarta-feira, 22 de julho de 2009

Sim, é o festival!

Hoje decidi fazer a seguinte experiência colocar festival jota no google e ver o que aparece não acham fantástico?


É através disto que podemos achar que estamos a ir ao encontro do pretendido!
E sim já se ouve falar no festival, pelo menos cá em casa é um assunto diário, não há dia em que não se diga a palavra Festival Jota! Foi um assunto que contagiou a família toda, uns porque ouvem na rádio outros porque fazem entrevistas e outros que trabalham para o festival e a família rege-se em torno dos horários de trabalho do festival!

Só espero que o S.Pedro nos ajude nos problemas meteorológicos e que tudo corra da melhor forma, sim porque depois de tanto de esforço de tanta gente, é necessário que esteja tudo apostos para dar as boas vindas a... bem acho que já perdi a conta, mas se não me engano mais de 850 jovens participantes...
Pois é, este é o grande motivo porque me vou ausentar durante uns 4 dias, coisa pouco, mas prometo que trago novidades destes dias que passaram!

sábado, 18 de julho de 2009

Novidades em dia...


Após o período de tantos exames, ansiedades e nervosismos chega algo tão esperado, as férias! Sim leram bem ESTOU DE FÉRIAS, pois é as férias já estão a começar, ou melhor ja começaram e já coisas estão agendadas e novidades já existem por ser contadas... è verdade, já cá canta mais um ano (pois já são 19), os dias vai diminuindo para o festival e a vontade de que tudo corra na perfeição aumenta. Depois destes três dias passarem, os do Festival Jota, começa a praia e talvez o descanso tão preciso... mas por que é que o ser humano tem tanta vontade de estar na preguiça e principalmente de não fazer nenhum e de dormir sempre mais e mais? Por exemplo hoje dei por mim a acordar as 12h35.. mas que bem que soube e a quanto tempo não o fazia... São estes momentos que nos fazem sentir bem dispostos...
Bem, agora resta me aproveitar ao máximo as férias porque como se costuma dizer o que é bom acaba depressa!

sexta-feira, 3 de julho de 2009

O dia de hoje é Não.

Hoje era assim que me apetecia estar... sentada num banco de jardim e limitar me simplesmente a contemplar e a pensar na vida que corre...

Ás vezes nem sempre é possível mas outras bem que apetece! Pois é acredito que brevemente terei essa possibilidade, sim, a de parar para pensar e reflectir mas no meio de tanta ansiedade, estudo, enfim mil e um obstáculos que nos impedem e por isso nem sempre nos é possível! No entanto vou prometer a mim mesma que o vou fazer, mais tarde ou mais cedo tenho de arranjar esse tempo. Quando nos perguntam na rua "Então está tudo bem?" nós nem hesitamos em responder "Sim está!", mas muitas vezes na realidade nem é bem assim. Mas fica nos bem e quem nos perguntou até fica bem por nos ver bem também! Hoje diria que Não, não por uma questão de contrariedade, mas sim por uma questão de afirmação e de realidade.

Hoje por acaso encontrei uma frase que me deixou a pensar e que aqui partilho: Cada um de nós vê nos outros aquilo que carregamos no nosso próprio coração. Desconheço o autor mas foi uma frase não me passou despercebida e que concordo, pois os outros são o nosso espelho e na maioria das vezes não pensamos nisso nem lhe damos o valor necessário.

sábado, 20 de junho de 2009

A Música...

Pensavam que tinha desaparecido? É bem mentira, pois cá estou de volta, mas com tantos trabalhos, exames e afins já nem há tempo para vir aqui escrever!
Hoje lá arranjei um tempito e apeteceu me vir cá falar de música!
Sim! Música de tantos e diversos estilos. Temas que nos dão para ouvir de noite, outros de dia e ainda outros que nem nos apetece ouvir! Mas o que é que ela tem de tanto especial que nos dá vontade de a repetir, de a cantarolar e cantar, cantar e cantar?
É fantástico este fenómeno a vontade que o ser humano tem até por vezes de conhecer o autor, a letra de uma tal melodia que ouviu por acaso! Outro pormenor é que temos ás vezes ao nosso alcance a televisão, um livro mas não, nós queremos a música e não é uma música qualquer apetece nos ouvir aquela, sim aquela mesmo e não descansamos enquanto não a ouvirmos!
Pois eu diria que isto não é mais nem menos do que chamar a Música:
video

domingo, 31 de maio de 2009

Sim sou! E Tu és?


"Sou teu amigo, sim,
Sou teu amigo, sim,
quando a vida corre mal
e tu ficas só e sentimental,
sou alguém que gosta e é leal,
tu tens um amigo aqui!

Eu sou teu amigo, sim.
Não sou mais forte nem sou
mais inteligente que tu
quando estou aqui, não sei.
Mas mais ninguém é mais amigo
que eu e tu,só nós os dois, pá!
O tempo vai passar
e sem nos modificar,
a amizade não vai ter fim,
sou teu amigo sim!

Eu sou teu amigo sim,
sou teu amigo sim!"

sábado, 23 de maio de 2009

E foi a semana que passou...



Bem, como o prometido é devido aqui vou eu relatar a minha semana...

Como tinha dito aqueles três trabalhos deram muito que falar, ou por outra dois ainda vão dar, porque um deles, quarta arrumo de vez, outro ja foi esta semana e o terceiro, e talvez o mais complicado, deixa-se para o último dia de aulas... Contudo o meu computador lá andou sempre comigo para trás e para a frente, ou melhor eu é que o andei a carregar...
O que vale é que no meio destes trabalhos todos sempre deu para a distracção e o divertimento ter o seu tempinho, sim porque depois ditos tudo eu só dizia tirem me daqui!!! E ainda para o ritmo acelerador da semana que passou permanecer faltava um teste para se juntar à festa para quinta-feira!
Isto é um máximo.... E como já eram poucas coisas, recebemos um tão esperado calendario de exames, isso sim foi o momento alto de toda a semana, parece que não chegava tanto stress junto logo tinham de nos relembrar que essa época se aproximava!
Mas sinceramente é daquelas semanas que se chega a Aveiro e o cansaço vem ao de cima... entao depois de uma soneca na viagem é cá uma moleza ui ui...
Agora resta pôr mãos ao trabalho para que os objectivos definidos sejam alcançados...

domingo, 17 de maio de 2009

Podemos passar a frente??

Bem e de volta a este cantito, desejo-vos uma boa semana.. sim pk a minha vai ser de fugir! Digo-vos tirem me desta semana é que ainda por cima vai demorar, mas demorar a passar!

Porque é que tudo se juntou??? Ou por outra, porque é decidiram juntar tudo é que são logo 3 trabalhos, ai ai... Será que não dava para passarmos estas semanas à frente no calendário, era tudo bem mais fácil!!!

Bem como se costuma dizer tudo se vai resolver....
Depois eu e o meu computador iremos contar como foi andar uma semana sempre agarrados um ao outro!!!

sábado, 9 de maio de 2009

Porque não me apeteceu escrever...

Hoje, acordei apeteceu me mudar este meu canto e fi-lo, depois pensei "Ora bolas, vou mudar e não vou pôr nada de novo??", pois e o mais interessante era saber o que escrever.. pus me a ver uma galeria de fotos mas a inspiração penso que decidiu ir dar um passeio e eu tenho de me arranjar... Por isso fiquei na mesma! Depois pensei e se colocasse uma ou duas fotos para olhar e pensar e asim fiz! Por isso deixo vos a pensar e a refletir, sim porque com este ritmo de vida que todos temos ás vezes nem tempo para isso temos....
Aqui ficam elas!

domingo, 3 de maio de 2009

A semana que passou...


Aqui fica o cheirinho desta semana que passou!

Desde serenata passando pela Sé com a benção da capa e claro com o tradicional vinho Dão! Pois é assim que por terras de Viriato se vive o espítito académico! O domingo um dia muito atribulado desde manhã cedo até as tantas da noite e o resto da semana, foi vivida com muitos sorrisos gargalhadas e sim não vou negar paciência para aguentar as taxas de alcolémia que já estavam elevadas, mas como alguém diz: Tudo faz parte!


Outro momento para relembrar foi o cortejo, sim esse foi um dia de muita alegria e orgulho! Além da muita cerveja pelo ar, foi um dia que na minha opinião muitos não vão conseguir esquecer, uns por razões muito boas outros por razões menos boas!! Mas claro com esforço e vontade de todos, o dia correu da melhor maneira!


E agora começa a nova era em que caloiros viraram pastranos, por isso o espírito vai ser ainda melhor!

terça-feira, 21 de abril de 2009

Sim, é verdade eu dei e não custa!


É verdade não é muito habitual vir até aqui e escrever principalmente nos dias de semana, uma vez que o tempo semanal não é muito! Mas hoje tenho uma razão e uma novidade fresquínha para vos dar!

Podem não acreditar mas hoje eu, Rita Salomé Neves dei sangue para o Instituto Português do Sangue, sim depois de várias tentativas dei sangue!

Cheguei lá e depois de várias perguntas, medições de tensão, peso, altura entre outras coisas ouço a médica a dizer "Olhe está em condições de dar sangue, pode-se sentar na maca!" E eu pensei, não ela não disse isto vou mesmo dar, tenho de admitir estava toda a tremer.. Primeiro fui comer e depois veio a pior parte la me fui sentar na marquesa e eis que vejo a simpática da agulha e digo "Ai que agulha tão grossa!!", mas quem é que me mandou olhar para ela?? Foi logo o que me disseram mas depois de 12 min.30s ( que era suposto ser entre 4 min. a 12 min.) lá a dita cuja foi retirada e a missão de a muito tempo desejada foi cumprida!
Na minha opinião é um acto que todos os seres humanos deveriam pelo menos ir ao teste para verificarem se podem ou não dar e também afirmo, à terceira foi de vez!=)

domingo, 19 de abril de 2009

FORTES ou fortes?

Pois é! Cá estou de volta! Já algum tempo que não vinha escrever a este meu canto, mas o tempo não tem dado, a vontade também não é muita e então a inspiração, essa acho que decidiu tirar férias, coisa que também já precisava, mas tudo a seu tempo!
Por isso deixo-vos aqui uma lição e vida recebi num e-mail e que achei fantástica!
É uma história que não conhecia, mas que tem uma mensagem muito bonita e que transmite muito mais do que pensamos! Fica o filme...

video

E agora pergunto seremos fortes?

sábado, 28 de março de 2009

É o teu dia! Aproveita-o!


Hoje, dia 28 de Março, é o meu, o teu e o nosso dia! Sim é o Dia Nacional da Juventude. E não penses que a juventude é aquele tempo que passa e nunca mais volta, pelo contrário é aquele tempo que vem quando tem de vir e só vai embora se tu quiseres, pois mais que importante que a idade é o espírito, por isso os teus pais, avós e familiares que penses "estarem fora da validade" podem também estar nesta altura!
Porque a juventude é:
Jovem
Unida
Vida
Exigência
Novidade
Teimosia
Unica
Dinamismo
Energia

sábado, 21 de março de 2009

Palavras poéticas...


E como hoje é dia de Poesia, não podia deixar de colocá-la aqui!


Há palavras que nos beijam
Como se tivessem boca,
Palavras de amor, de esperança,
De imenso amor, de esperança louca.

Palavras nuas que beijas
Quando a noite perde o rosto,
Palavras que se recusam
Aos muros do teu desgosto.

De repente coloridas
Entre palavras sem cor,
Esperadas, inesperadas
Como a poesia ou o amor.

(O nome de quem se ama
Letra a letra revelado
No mármore distraído,
No papel abandonado)

Palavras que nos transportam
Aonde a noite é mais forte,
Ao silêncio dos amantes
Abraçados contra a morte.

Alexandre O'Neill

domingo, 15 de março de 2009

Dizem...

"Dizem que ninguém é insubstituível não é verdade, no coração humano, um amigo é para sempre, INSUBSTITUÍVEL."

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

O popas deseja-te um Bom Carnaval!

E como estamos numa época carnavalesca o popas e eu desejamos a todos um excelente carnaval com muita folia, divertimento e animação! Sim porque são nestas épocas que o ser humano pode disfrutar da companhia dos amigos e deixar o stress do dicionário semanal! E para relaxar um bocadinho e como já se sente o cheirinho a carnaval, fica um samba!

samba blog

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

Apetece me respirar ar puro! Posso?

Mas quantas e quantas vezes, não nos apetece respirar ar fresco, a vontade da isolação fala mais alto e aí sentimos que a maior parte das vezes não damos valor a momentos que passamos em que dizemos "Não tenho nada para fazer" (além destes momentos serem poucos!).


Muitas das vezes dá-nos vontade de ir ver o mar, de deixar nos invadir pela calma que ele transmite e por vezes a vontade que nos desperta pra o invadirmos... Mas porque é que essa vontade nem sempre está presente nas nossas vidas? Será que nunca conseguiremos atingir um momento de calma que nos possamos sentar e pensar!? Se calhar actualmente já não é assim tão fácil.. pois o stress de todasd as horas e todos os momentos pode mais que tudo e todos!
Mas hoje digo-vos apetece me respirar ar puro, esse ar que nos transmite a serenidade que tantas vezes precisamos e não nos apercebemos disso, esse ar que tantas vezes anda poluído não só pelo aspecto ambiental, mas também pelo aspecto interior de cada um! Aproveitem... um ar puro nem sempre se pode alcançar todos os dias!

sábado, 7 de fevereiro de 2009

Entre achados e perdidos!


Ao longe vê-se a ponte
O céu que muda
Entre o princípio e o fim
Ao fundo vê-se um monte
De casas velhas
De cor entre ocre e carmim
Eu espero no tempo
Algum sinal teu
Enquanto a saudade aperta
Agarro-me ao mundo
Recolho o que é meu
A ver se a vida se acerta
Naquilo que prometeu
Desenho no horizonte
Uma viagem
Que faço sem me mover
E passo sobre a ponte
Para outra margem
Onde pudesse perder
O peso dos dias
A dor do caminho
Que fica agarrada à pele
Se a vida voasse
Para além do destino
Como a cabeça nos voa
Numa folha de papel
A vida passa sempre
Tão apressada
Que pouco podes conter
Os dias são ausentes
Sabem a nada
Se te esqueceres de viver
Agarra o teu mundo
Acende os lugares
Onde se escondem os teus sentidos
E não tenhas medoSe às vezes falhares
O que importa é o caminho
Que fica
Entre achados e perdidos

segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

Um e-mail, uma história, uma amizade...

Hoje recebi um e-mail que tinha lá uma grande história e não podia deixar de a partilhar! Aqui vai...

Um dia, quando eu era caloiro na escola, vi um miúdo da minha turma a caminhar para casa depois da aula. O nome dele era Kyle. Parecia que estava a carregar os seus livros todos. Eu pensei:
-'Porque é que leva para casa todos os livros numa sexta-feira ?Ele deve ser mesmo um marrão. Como já tinha o meu fim-de-semana planeado (festas e um jogo de futebol com meus amigos no sábado a tarde) encolhi os ombros e segui o meu caminho. Conforme ia caminhando, vi um grupo de miúdos a correr na direcção dele. Eles atropelaram-no, arrancando-lhe todos os livros dos braços e empurraram-no, de tal forma que ele caiu no chão. Os seus óculos voaram, e eu vi-os aterrarem na relva a alguns metros e onde ele estava. Ele ergueu o rosto e eu vi uma terrível tristeza nos seus olhos.O meu coração penalizou-se por ele. Então, corri até ele enquanto ele gatinhava à procura dos óculos, e pude ver lágrimas nos seus olhos. Enquanto lhe entregava os óculos,eu disse:

-'Aqueles tipos são uns parvos. Eles deviam era arranjar uma vida própria'. Ele olhou para mim e disse: -Ei, obrigado!

Havia um grande sorriso na sua face. Era um daqueles sorrisos que realmente mostram gratidão. Eu ajudei-o a apanhar os livros, e perguntei-lhe onde morava. Por coincidência ele morava perto da minha casa, então eu perguntei como é que nunca o tinha visto antes. Ele respondeu que antes frequentava uma escola particular. Conversámos todo o caminho de volta para casa, e carreguei-lhe os livros. Ele revelou-se um miúdo muito porreiro. Perguntei-lhe se queria jogar futebol no Sábado comigo e com os meus amigos, ele disse que sim. Ficamos juntos todo o fim-de-semana e quanto mais eu conhecia Kyle, mais gostava dele. E os meus amigos pensavam da mesma forma. Chegou a Segunda-Feira, e lá estava o Kyle com aquela quantidade imensa de livros outra vez. Parei-o e disse:

-'Diabos, pá, vais fazer o quê com os livros de novo?
Ele simplesmente riu e entregou-me metade dos livros. Nos quatro anos seguintes Kyle e eu tornámo-nos melhores amigos. Quando nos estávamos a formar começámos a pensar na faculdade. Kyle decidiu ir para Georgetown, e eu ia para a Duke. Eu sabia que seríamos sempre amigos, que a distância nunca seria um problema. Ele seria médico, e eu ia tentar uma bolsá escolar na equipa de futebol. Kyle era o orador oficial da nossa turma. Ele teve que preparar um discurso de formatura. Eu estava super contente por não ser eu a subir ao palanque e discursar. No dia da Formatura eu vi Kyle. Ele estava óptimo. Ele estava mais encorpado e realmente tinha uma boa aparência, mesmo usando óculos. Ele saía com mais miúdas do que eu, e todas as raparigas o adoravam! Às vezes eu até ficava com inveja. Hoje era um desses dias. Eu podia ver o quanto ele estava nervoso por causa do discurso. Então dei-lhe uma palmadinha nas costas e disse:
-Ei, rapaz, vais-te sair bem!
Ele olhou para mim com aquele olhar (aquele olhar de gratidão) e sorriu.
-Valeu, disse ele.
Quando ele subiu ao oratório, limpou a garganta e começou o discurso:
-'A Formatura é uma época para agradecermos aqueles que nos ajudaram durante estes anos duros. Aos pais, aos professores, aos irmãos, talvez até a um treinador. Mas principalmente aos amigos. Eu estou aqui para lhes dizer ser um amigo para alguém é o melhor que se pode dar. Eu vou-lhes contar uma história.
Eu olhei para o meu amigo sem conseguir acreditar enquanto ele contava a história sobre o primeiro dia em quenos conhecemos. Ele tinha planeado suicidar-se naquele fim-de-semana. Contou a todos como tinha esvaziado o seu armário na escola, para que a mãe não tivesse que fazer isso depois de ele morrer, e estava a levar as suas coisas todas paracasa. Ele olhou directamente no meus olhos e deu-me umpequeno sorriso.
-'Felizmente eu fui salvo. O meu amigo salvou-me de fazer algo inominável'.
Eu observava, com um nó na garganta, todos na plateia, enquanto aquele rapaz popular e bonito contava a todos sobre aquele seu momento de fraqueza. E vi a mãe e o pai dele a olharem para mim e a sorrir com aquela mesma gratidão. Até aquele momento eu nunca me tinha apercebido da profundidade do sorriso que ele dirigiu naquele dia.
Nunca subestimes o poder das tuas acções. Com um pequeno gesto podes mudar a vida de uma pessoa. Para melhor ou para pior. Deus coloca-nos a todos nas vidas uns dos outros para que tenhamos um impacto um sobre o outro de alguma forma.
Procura o bem nos outros.

sábado, 17 de janeiro de 2009

A altura dos porquês...


Hoje apetece-me dizer PORQUÊ! Mas porquê isto ou aquilo! Para mim tudo devia ter razões! Quando somos pequenos temos a tendência em saber o porquê de tudo, mas quando crescemos essa vontade desaparece, mas eu volto a perguntar PORQUÊ?

Por isso vos deixo uma canção da Adriana Calcanhoto que nos relembra uma quantidade de perguntas que quando éramos pequenos nos limitavamos a fazer...


Por que você é Flamengo
E meu pai Botafogo
O que significa"Impávido colosso"?
Por que os ossos doem
enquanto a gente dorme
Por que os dentes caem
Por onde os filhos saem
Por que os dedos murcham
quando estou no banho
Por que as ruas enchem
quando está chovendo
Quanto é mil trilhõesvezes infinito
Quem é Jesus Cristo
Onde estão meus primos
Well, well, well Gabriel...
Por que o fogo queima
Por que a lua é branca
Por que a terra roda
Por que deitar agora
Por que as cobras matam
Por que o vidro embaça
Por que você se pinta
Por que o tempo passa
Por que que a gente espirra
Por que as unhas crescem
Por que o sangue corre
Por que que a gente morre
Do que é feita a nuvem
Do que é feita a neve
Como é que se escreve Reveillon


Letra da música: "Oito Anos" - Adriana Calcanhoto

domingo, 11 de janeiro de 2009

Abraço e/ou sorriso!

Um sorriso... ás vezes vale mais que mil palavras, mais que um olhar, mais que uma palavra é simplesmente uma transmissão de alegrias entre os seres humanos! Porque não haver um dia internacional do sorriso? Existem dias de tudo e de nada.. mas das coisas boas da vida ou das coisas que fazem sentido à vida não!


Mas também para mim o dia do sorriso podiam ser todos, assim era da maneira que toda a gente tinha sempre uma razão para sorrir e que tal se este vírus do sorriso se contagiasse pelo mundo inteiro! Devemos cada vez mais dar valor às coisas que só são importantes pra nós quando não as temos!




Um abraço... acto de troca de carinho entre duas ou mais pessoas, a falta que ele faz em tantos momentos da nossa vida! E porquê é que existe vergonha em pedir um abraço? De acordo o dicionário abraço corresponde ao acto de abraçar e por sua vez este verbo significa :cingir com os braços, dar abraços, circundar, cercar, abranger, conter, compreender, aceitar;admitir, adoptar, consagrar-se. Agora eu pergunto será assim tão difícil dar um abraço?

quinta-feira, 1 de janeiro de 2009

O novo ano!


Estamos em 2009 e a todos desejo um excelente ano com a realização de todos os sonhos desejados! Em todo o mundo, uns mais cedo outros mais tarde, mas entramos todos no mesmo ano, o de 2009!
Espero que este novo ano, se não puder ser melhor que 2008, que seja pelo menos igual! E agora depois das 12 passas comidas e do flute de champanhe bebido venha o novo ano!